terça-feira, 22 de julho de 2014

Lacus Somniorum – Tideshaper (2008)


Lacus Somniorum, antonomásia de Gustaf Hildebrand, lançou Tideshaper em 2008, um projeto que demorou dois anos para ser lançado e tem a colaboração de Amanda Votta do Floating World, o que dá uma beleza a mais às paisagens sonoras Dark Ambient de Hildebrand. Há também passagens com efeito de corais, meio que assustadores. O álbum combina perfeitamente elementos de música tribal, experimentações eletrônicos, composição contemporânea e Krautrock cósmico.

Lacus Somniorum emergiu como um desejo mútuo de transmitir um conceito sugestivo do que está oculto e invisível aos olhos da civilização moderna - sob as ondas em abismos obscuros, ou talvez em lugares não ancorados dentro do nosso conceito de realidade. O conceito subjacente não é o medo do desconhecido, mas de uma beleza escondida dentro desses lugares aonde nenhum de nós jamais vai se aventurar – pelo menos em corpo físico.

Nenhum comentário: