terça-feira, 16 de julho de 2013

Naldo em Hollywood?


Se vai ter, ou não, um filme sobre a vida do “cantor” Naldo, eu não sei. Mas gostaria de sugerir um título: Naldo, o ogro. Se o ator Will Smith vai jogar dinheiro fora investindo no funkeiro, porque ficou impressionado apenas por bobagens – “uma vida de superação” e a multidão cantando Amor de Chocolate em frente à sacada de um hotel -, azar o dele. Smith, para quem não sabe, teve uma curta carreira como cantor de rap e que não deu muito certo. Portanto, ele não é o sujeito mais adequado para reconhecer talentos.

Naldo é um “fenômeno” musical da massa medíocre: canta mal, dança mal e expressa mal, e o cara ainda se acha. Se a carreira dele perdurar, no máximo que possa se transformar é em um novo Latino, o que já é uma desgraça.


Agora falando em se achar, imagina se o sujeito faça sucesso com o filme ou uma carreira internacional (ele já andou tocando lá fora). Sei não... que o sucesso já subiu à cabeça do rapaz isso é visível. Agora existe aquele dito popular “Quem nunca comeu melado quando come se lambuza”. Te cuida Ogro, quer dizer, Naldo.

Um comentário:

Mary Joe disse...

Ai que medo desse filme! Tomara Deus que eu não precise passar por essa tortura.