sexta-feira, 1 de julho de 2011

Cheap Trick - Heaven Tonight (1978)


No final dos anos 1970 não existia banda mais legal, engraçada e fanfarrona do que o Cheap Trick. Vindos de Illinois, EUA ganharam fama e popularidade primeiramente no Japão, antes de fazerem sucesso com o terceiro álbum, Surrender (1978). Pois é, Japonês curte de tudo mesmo, e lá, rolou uma verdadeira febre do tipo beatlemania, ou melhor, trickmania – por isso ao vivo, Live At Budokan (1979) foi gravado no Japão.

O Cheap Trick era formando por uns tipos bem incomuns: Rick Nielsen, o roqueira que usava guitarras exóticas com vários braços – imagina o peso delas?; Bun Z. Carlos parecia um bancário pai de família; Tom Petersson e Robin Zander, a dupla de “bonitões”.

A banda praticava um hard pop muit legal e tinha forte influência dos Beatles, tanto que chegaram a ter um álbum produzido por George Martim, All Shock up (1980) e Rick Nielsen e Bun E. Carlos chegaram a tocar com John Lennon.

Heaven Tonight, de 1978, o seu melhor álbum de estúdio e o primeiro a fazer sucesso fora do João. No EUA, o disco ganhou disco de ouro e chegou no 48º lugar nas paradas. No Japão ganhou seu terceiro ouro e aumentou ainda mais o status de superstars. O single de Surrender foi o único a entrar no Hot 100 dos EUA. O álbum chegou a sair no Brasil à época. Além de abrir de cara com o hit Surrender, contém outras canções de peso como On The Radio; influência de AC/DC, em Stiff Competition e High Roller; e a balada meio glam de Haven Tonight. Tom Petersson tocou um baixo de doze cordas, o que faz de Heaven Tonight´s a primeira gravação com este instrumento.

Eles ainda lançariam outro grande álbum, Dream Police, de 1979. Aos poucos foram saindo de moda e perdendo a magia inicial. A banda ainda existe e para provar a influência dos Beatles, o último lançamento deles é Sgt. Pepper Live (2009), tocando o álbum na integra, claro que do jeito deles, para comemorar os 40 anos desse clássico.

2 comentários:

Adri disse...

é o tipo de coisa q japonês curte mesmo. aliás, o pop-rock japonês da década de 80 soa bem como isso!

Mary Joe disse...

Gostei do post, levinho, divertido, feito a banda.

Não conhecia.