sexta-feira, 3 de julho de 2009

The Pains of Being Pure at Heart - Same (2009)


A ALEGRIA DE SER JOVEM

Herdeiros diretos do shoegaze praticado nos anos 80 (My Blood Valentine, The Velocity Girls, Chapterhouse), a banda The Pains of Being Pure at Heart reúne essas influências ao indie atual, cuminando em canções singelas, assobiáveis e inebriantes. Em suma: um shoegaze mais pop.
Eles são de Nova York (mais uma?) e estão inseridos dentro da nova onda noise-pop de bandas como Vivian Girls e The Soundscapes.
Em seu primeiro trabalho – em um cenário carente de inovações – a banda é aclamada por críticos e público. Exageros à parte, a estreia é respeitável, basta apenas uma audição de A Teenager in Love, Everything with You e young adult friction.
Para ser bem sincero: o The Pains of Being Pure at Heart parece um My Blood Valentine menos ácido e mais alegrinho.





http://rapidshare.com/files/250713103/The_Pains_of_Being_Pure_at_Heart.rar.html

4 comentários:

Mary Joe disse...

Claudio, gostei do som, mas o que gostei mesmo foi do nome da Banda. Vc teve a idéia de traduzir? "As dores dos puros de coração"! Parece coisa evangélica, rsrsrsrs.

Mas como sempre foi bom saber sobre eles.
Beijo carinhoso
Mary

Adri disse...

q estranho! comentei aqui no dia em q vc postou...
puxa, q chato! pq agora nem lembro mais o q foi q eu escrevi.
eu achei o post muito bacana pq mostra sua versatilidade! como vc encontra essas coisas diferentes?
uma outra tradução para o nome da banda seria "as dores de ser puro de coração". realmente, os puros de coração são os que mais sofrem!
beijos

JUNIOR OMNI disse...

TESTEMUNHO DE EX-ROQUEIRO


ROCK - A MÚSICA DO INFERNO


WWW.ROCKNROLLDANGER.BLOGSPOT.COM

JUNIOROMNI disse...

ROCK 'N' ROLL = A MÚSICA DO INFERNO



JESUS AMA VOCÊ !!!