terça-feira, 29 de janeiro de 2008

A origem do Rock´n´Roll


O Dia Mundial do Rock foi instituído em 1985, quando foi realizado o primeiro "Live Aid" em prol das vítimas da fome na Etiópia, onde grandes nomes como David Bowie, U2, Queen e The Who se apresentaram. Por causa de sua grandeza e importância escolheram esta data. Mas seria mais certo comemorar o "Dia Mundial do Rock" no dia 12 de abril, quando Bill Haley and His Comets havia gravado a antológica "Rock around the clock", que não vendeu bem, mas ao ser incluída como tema de abertura do filme "Sementes da violência, tornando-se esta música o primeiro grande sucesso do rock´n´roll. Porém, alguns meses depois, em "5 de julho, que um caipira nascido em Tupelo, Mississipi, que numa segunda-feira entrou em estúdio pela primeira vez e gravou uma versão envenenada de um blues de Arthur "big Boy" Crudup, "That´s All Right (Mama)". Elvis se tornou o primeiro sexy simbólo e herói branco do rock - ao mesmo tempo fico pensando que tudo poderia ser um pouco diferente se seu irmão gêmeo idêntico Jesse tivesse sobrevivido ao parto.
É ponto pacífico que o rock´n´roll surgiu do encontro de duas grandes correntes: o rhythm & blues e o country-and-western. O rhythm and blues venho do blues, que era a música dos negros escravos dos campos de algodão da América, cantando suas tristezas e saudade da Àfrica. O blues era uma música simples, estruturada basicamente em cima de uma escala de doze compassos divididos em três partes iguais.
Ao fim de casa frase, um tempo livre, preenchido por uma resposta instrumental. Para responder, o negro usa a gaita, instrumento fácil de carregar. E o violão. A origem do do termo "blues" data de 14 de dezembro de 1862. Charlotte Forten, uma jovem professora negra nascida livre no norte dos Estados Unidos que alfabetizava os escravos da Carolina do Sul, registrou seus sentimentos num diário depois de assistir a uma missa na comunidade negra: "Voltei da igreja com o blues. Me joguei em minha cama e pela primeira vez desde que cheguei aqui, me senti muito triste e miserável." Talvez não haja melhor tradução para o sentimento expresso pelos lamentos dos escravos, que anos depois transformariam-se num gênero musical. Antes de 1860, chamavam a música dos negros escravos de "spirituals (canções religiosas entoadas pelos negros, o uso do violão venho depois, graças à influência espanhola vinda do México, antes usavam o fiddle - um ancestral do banjo de origem africana.
Em 1949 venho o Rhythm & blues quando o cantor Roy Brown gravou Good Rockin' Tonight (mais tarde regravada por Elvis Presley) e, apesar de manter o compasso do blues, alterou o estilo triste para um acompanhamento mais acelerado e frenético, com um toque dos cantos religiosos negros, mais gritados que sussurrados. O country-and Western era a música dos cowboys do Oeste.

O termo rock´n´roll

Devemos dar crédito a disc-jóquei Alan Freed, que em 1952, batizou seu programa de Moondgo's Rock'n'Roll Party, o que acabou definindo a expressão como designativa de um tipo específico de música. Conta-se que Freed - que era trombonista clássico e engenheiro mecânico - um dia foi convidado a visitar uma loja de disco e viu jovens dançando energicamente ao som do rhythm & blues e teve a idéia de fazer um programa baseado neste novo tipo de música; chamaria "The Moon Dog House Rock´n´Roll Party, nome baseado em um velho blues de 1922, relançado depois da guerra por Big Joe Turner. Daí, o termo rock´n´roll pegou e seu programa revelou nomes como Fast Domino, Little Richard, The Moonglows. É bom lembrar que o termo rock´n´roll já existia anteriormente, mas era usado como gíria dos negros americanos, que tinha uma conotação sexual, algo como "deite e role". Também o rock "anos 50" começou a se dividir em estilos, como classificou o pesquisador Charlie Gillett em 5 variedades diferentes: O rock´n´roll do Norte (Bill Haley & His Comets), o blues-de-dança de NOva Orleãs (Fats Domino, Little Richards), o country-rock de Memphis (Elivs Presley, Carl Perkins), o Rhythm & blues de Chicago (Chuck Berry, Bo Didley) e o rock´n´roll de grupos vocais (Platters, Penguins).

2 comentários:

Dri disse...

QUE AULA DE ROCK!!
dispensa comentários...

Anônimo disse...

Aprendi muito